Xurxo Troncoso, músico

Xurxo Troncoso toca no grupo de percussom “Trópico de Grelos”, o Brasil foi determinante para se tornar galego-falante e adora adora a naturalidade, curiosidade e singeleza com que os miúdos das suas aulas lêem e cantam em galego-português, mesmo sendo muitos castelhano-falantes.

Continuar a ler

Mario Moirón, neofalante e informático na Bélgica

Mario Moirón foi fundador de Lixo Urbano e A Calexa e agora mora na Bélgica onde ser galego foi umha vantagem competitiva. Trabalha como informático e acha que a internaciolizaçom das culturas e da comunicaçom vai facilitar a hegemonia da estratégia reintegracionista. Mario Moirón foi um dos fundadores da distribuidora…

Continuar a ler

Xosé Morell, diretor de exportações

PGL – Xosé Morell é viguês filho de emigrantes. Embora estudasse filologia-portuguesa (ou talvez por isso), agora é diretor de exportações. Adora a China e vê a norma ILG-RAG como um regime de Vichy.   Xosé Morell é um viguês tipo, quanto à procedência forânea dos seus pais, ela madrilena…

Continuar a ler